domingo, 18 de fevereiro de 2018

Imaginação

- Mamãe, agora vamos imaginar que você é uma pessoa.

(Caetano, 3 anos)

sábado, 17 de fevereiro de 2018

P/B

Estava numa ultrassonografia do meu bebê e minha filha Giovanna estava comigo. Ela estava quietinha e de repente perguntou:
- Mamãe, meu irmãozinho vai nascer colorido né?

(Giovanna, 4 anos)

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Golpe

Enquanto convencíamos nosso sobrinho a comer uma alface, ele parou com um pedaço na boca, em pose de golpe e meu marido perguntou:
- É karate kid, Pedro?
- Não, tio. É kung fu italiano.

(Pedro, 6 anos)

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Restituir

No almoço, Felipe pergunta:
- O que é ressuscitar?
- É quando alguém morre e volta a vida.
- Tipo reiniciar?

(Felipe, 8 anos)

Meta

Passando pela Marquês de Sapucaí, mostrei:
- Maria, aqui que tem o carnaval, onde desfilam as escolas de samba.
- Quando eu crescer eu quero estudar aqui.
- Onde, filha?
- Na escola de samba.

(Maria, 4 anos)

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Autoconhecimento

- Olha que vou te fazer cosquinha.
- Mas tia, eu não sou de cosquinha.
- Por quê?
- Porque eu faço um barulho estranho e não consigo falar direito.

(Elloá, 5 anos)

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Olho por olho

E no meio da oração, escuto:
- Rogai por nós vingadores...

(Bruno, 4 anos)

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Google tradutor

- Mamãe, sabe como fala "bumbum" em inglês?
- Não, filho.
- É forever.

(Caetano, 3 anos)

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Saudade

As férias acabaram e com ela a vovó voltou para a sua cidade no interior de São Paulo. Na hora de dormir, a saudade apertou e escutamos:
- A vovó não está mais aqui, mas eu tô sentindo o cheirinho dela e é muito bom. Eu queria ela aqui para sempre, mamãe.

(Cecília, 2 anos)

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Ordem

- Maria, venha aqui.
- Já vou, mãe.
- Pra ontem, Maria!
- Por que não chamou ontem, então?

(Maria, 5 anos)

quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Bipolar

- Que doce gostoso. Eu amo!
- Ama o quê, Cecília?
- Amo tudo. Mas odeio algumas coisas.

(Cecilia, 5 anos)

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Assim você me mata...

- Bruna, você sabe quem é o presidente do Brasil?
- Sei, sim. É o Michel Teló!

(Bruna, 9 anos)

Descompressão

Eu estava no sofá com meus primos, Rafael e João. Eu e o João conversávamos, enquanto o Rafael jogava no tablet. Até que o Rafael soltou um pum. Eu e o João rimos, mas continuamos conversando. De repente, ele soltou o segundo pum. Nós olhamos para ele e falamos em coro:
- Fael!!!
Ele, sem tirar os olhos do jogo, falou na maior tranquilidade:
- Ah, foi mal, gente. Dia difícil.

(Rafael, 7 anos)

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Garoto esperto

- Primeiro vou focar nos estudos e depois vou procurar uma rainha... para completar o coração do rei aqui.

(Pedro, 11 anos)

domingo, 28 de janeiro de 2018

Conexão

Caio rezando o pai nosso:
- ... E não deixeis cair a ligação, mas livrai-nos do mal. Amém!

(Caio, 7 anos)

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Consolo

- Tia, eu já tomei a injeção da febre amarela.
- Já tomou, Sara?
- Sim. Você não sente nada, só parece que o braço tá quebrado.

(Sara Lígia, 8 anos)

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Pausa

- Mãe, meu olho está falhando. Vou dar uma dormidinha aqui e já volto.

(Alice, 5 anos)

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Classificação

Estávamos em um almoço e minha irmã fez um prato cheio de salada. Um conhecido ao ver o prato dela, perguntou:
- Vegetariana?
- Não, aquariana.

(Nathalia, 7 anos)

sábado, 20 de janeiro de 2018

Corinho

Tais cantando:
- Abençoa cenoura a família amém. Abençoa cenoura a minha também.

(Tais, 4 anos)

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Truco

Após o banho, estava enxugando minha filha e falei:
- Laura, agora você enxuga suas pernas.
- Ah, mãe, enxuga você.
- De quem são as pernas?
- E de quem é a mãe?

(Laura, 4 anos)

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Fila

- João, você gosta de ser filho caçula?
- Sim, porque vou morrer por último.

(João, 7 anos)

Conexão direta

- Papai...
- Oi, filha.
- Não é você, pai. Eu tô falando com o papai do céu.
(Cecília, 2 anos)

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

A seguir cenas...

Minha filha e eu estávamos assistindo um desenho que ela já viu mais de trinta vezes, então eu perguntei:
- Filha, o que vai acontecer com esse personagem?
- Nem vem que não vou dar spoiler, mãe!

(Rafaela, 7 anos)

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

Máquina do tempo

Estávamos viajando de São Paulo para Itapeva e ouvi a conversa dos meus filhos no banco de trás:
- Lucas, vamos dormir. Assim a viagem passa mais rápido.
- Eu não quero dormir, Luana.
- Então eu vou dormir e chegar antes de você.

(Luana, 6 e Lucas, 2 anos)

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Presente não dá em árvore

Depois do ano novo fomos tomar um café na casa dos nossos amigos. Cecília olhou para a árvore de Natal ainda montada e falou:
- Hum, dessa árvore eu ainda não ganhei presente.

(Cecília, 2 anos)

Aptidão

- O que você quer ser quando crescer?
- Quero ser milionário e ter um filho chamado Riquinho.

(Israel, 7 anos)

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Desfecho

Na padaria, minha irmã pediu um chocolate para a minha mãe e depois de uns minutos falou:
- Mamãe, eu não gosto desse.
- Então devolve para a mamãe.
- Mas eu já comi tudo.

(Laura, 3 anos)

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Morte morrida

Minha tia e eu estávamos conversando sobre cremação quando a Nathalie ouviu e perguntou:
- O que é ser cremada?
Minha tia respondeu que é quando a pessoa morre e tem seu corpo queimado e reduzido a cinzas. Ela fez uma cara de "não faz sentido" e perguntou:
- Aí morre mais ainda?!

(Nathalie, 9 anos)

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Gosto mais do que brigadeiro

Maria Antonia chega do nada e diz:
- Profe quero beijinho.
Respondi prontamente:
 - Então vem aqui que a profe te dá um monte.
Ela veio toda feliz e eu a enchi de beijos. Quando a soltei, notei certa decepção.
- Prof, era o beijinho do brigadeiro que eu queria.

(Maria Antonia, 5 anos)

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Dicas de beleza

Minha sobrinha conversando com duas amigas que estavam passando batom:
- Eu não sou vaidosa, para mim o que importa é a beleza inferior.

(Hadassa, 7 anos)

segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

A proposta

No jantar de Natal meu primo não parava quieto. Eu o puxei e disse:
- André, fique quieto! Ou você quer apanhar?
Ele, humildemente, respondeu:
- A oferta é boa, mas não, obrigado.

(André, 7 anos)

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Prioridades

Conversando sobre a proximidade do Natal:
- Mamãe, será que posso pedir ao Papai Noel que dê comida para quem não tem, no lugar do meu presente?

(Lisiée, 7 anos)

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Ingerir

Keila organizando o aniversário:
- Mãe, já fiz uma lista com os comes e os "tomes" da festa.

(Keila, 7 anos)

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Companhia

- Mãe, não precisa ter medo da sombra, né? É só uma escuridão que segue a gente em todo lugar.

 (Dillan, 3 anos)

sábado, 16 de dezembro de 2017

Patriota

Minha filha cantando o Hino Nacional na escola:
- Ó Pátria amada, emburacada, salve, salve!

(Clara, 3 anos)

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Wi-Fi

Sarah, ao mostrar um macaco de brinquedo que acende luzes para a irmã, vê que ele não está funcionando porque acabaram as pilhas. Coloca as mãos na cabeça e diz:
- Meu Deus, a internet caiu.

(Sarah, 3 anos)

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Caminho

- Sabe, acho que nem deveríamos ganhar presentes no Natal. O aniversário é de quem?
Miguel respondeu:
- De Jesus.
- Então, quem deveria ganhar o presente?
André interrompeu:
- Mas Jesus não está dentro de nós?

(Miguel, 4 anos e André, 10)

Reconhecimento

- Tia, o André está com ranho na unha.
- André, deixa eu ver... Não Otávio, o André não está com ranho na unha.
- Tá, sim. Me arranhou todinho.

(Otávio, 5 anos)

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Minucioso

- Daniel, você teve natação ontem?
- Natação de piscina ou de futebol?
- De piscina.
- Não.
- E de futebol?
- Também não.

(Daniel, 4 anos)

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Entendo

- Tia, já sei escrever o nome da minha amiga.
Como ele ainda não era alfabetizado, perguntei:
- Sério? Então escreve aqui.
E ele escreveu a letra L.
- Qual o nome da sua amiga?
- Ellen, tia.

(Vinícius, 3 anos)

domingo, 10 de dezembro de 2017

Ponderando

Conversa entre meu irmão e a moça que trabalha aqui em casa:
- Ei, você não quer ir lá prá casa morar comigo, não?
- Você sabe fazer bolo?

(Luís, 5 anos)

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Jeitinho brasileiro

- Valentina, você já pensou o que quer do Papai Noel? Temos que escrever sua cartinha.
- Quero um cavalo.
- Mas, filha, não podemos ter um cavalo. Não temos espaço. Onde vamos enfiar ele?
- Tá bom, mamãe. Então eu quero uma fazenda.

(Valentina, 3 anos)

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Trinta e dois

- Mãe, quando o dente cai, a Fada dos Dentes traz dinheiro, né?
- Traz, filho.
- Ah! Então meu avô é rico.

(Miguel, 5 anos)

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

O amor (não) é cego

- Caio, o que é se apaixonar?
- É ficar com o coração nos olhos, tia.

(Caio, 4 anos)

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Sentimental

- Acho que não vou mais banhar, mamãe.
- Por quê?
- Porque o sabonete morre quando a gente banha.

(Pedro, 5 anos)

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Gramática

- Mãe, pega água pra mim beber?
- É para eu beber.
- Pega pra nós dois, então.

(Miguel, 7 anos)

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Especialista

Estávamos brincando de médico e eu disse:
- Doutor, estou com dor de cabeça. O que eu tenho?
Ele, sabiamente, me diagnosticou:
- Dor!

(Joaquim, 2 anos)

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Vida

Laura estava conversando com a sua mãe enquanto tomava banho:
- Mamãe, tudo é vida, né? Passarinho é vida, cachorro é vida, chuveiro é vida, toalha é vida...
- Não, Laura. Chuveiro e toalha não. Para ser vida tem que ter coraçãozinho.
- Nossa, mamãe, então churrasco é vida!

(Laura, 3 anos)