quinta-feira, 23 de julho de 2009

Muito macho

"Nããão, pai! Eu não sou feminina, sou feminino!"

(Pedro, 7 anos)