terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Em nome do pai

Brincando no quarto:
- Então, mocinha, como é seu nome mesmo?
- Nina.
- Hmm. Mas e o meu nome, você sabe?
- Sei, é Loizenrique!
- Hahah, isso aí. Mas são dois nomes, filha: Luiz e Henrique. Tem gente que me chama de Luiz, tem gente que chama Henrique, outros chamam de Rique…
- E tem gente que te chama de papai!

(Nina, 3 anos)