segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Novos comerciantes

Chego em casa, encontro meus filhos e pergunto para o menor:
- E aí, filho, deu certo o jantar?
- Deu, mãe. Estava uma delícia.
- Que maravilha. E o troco?
- Aqui nós não trabalhamos com troco, mãe.

 (Emerson Filho, 7 anos)