segunda-feira, 30 de maio de 2016

De volta para o futuro

- Rodrigo, já está tarde. Vá dormir.
- Ah, mãe, não. Se eu for dormir agora e você não for, eu vou chegar lá no amanhã primeiro e vou ficar sozinho.

(Rodrigo, 3 anos)